07/04/2017 às 06h41min - Atualizada em 07/04/2017 às 06h41min

Acidente em Barra do Garças matou mãe e filha carbonizadas e sobrevivente será transferido para Goiânia

G1 MT
Familiares do sargento Dos Santos, de Goiânia, já estã trabalhando no sentido de remover o sobrevivente do acidente entre carro e um caminhão gaiola perto do curtume de Barra do Garças na noite de quarta-feira (5/4). Eriney Carlos dos Santos teve várias fraturas e queimaduras.

Infelizmente esse acidente ceifou a vida de mãe e filha que morreram carbonizadas após o carro em que estavam bater de frente com um caminhão, na BR-070 e depois pegou fogo. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, que atendeu a ocorrência, as vítimas foram identificadas como Vera Lúcia dos Santos e Jorgina Rodrigues dos Santos.

O motorista do carro e filho de Vera Lúcia, identificado como Eriney Carlos dos Santos, sofreu queimaduras e foi levado, em estado grave, para o Pronto-Socorro de Barra do Garças, onde segue internado. Já o condutor do caminhão, que não teve a identidade informada, saiu ileso da colisão.

O tenente Marcel Bueno, da 1ª Companhia de Bombeiros daquele município, informou que o acidente ocorreu por volta das 21h, quando a família, que é natural de São Luís de Montes Belos (GO), voltava de um velório nas proximidades de Barra do Garças. A rodovia ficou interditada por mais de três horas.

“Ao que tudo indica, o carro arriscou uma ultrapassagem em um local proibido e bateu de frente com o caminhão, que seguia em sentido contrário, em direção à Cuiabá. O veículo pegou fogo imediatamente e a pista foi interditada”, afirmou.

Segundo o tenente, o motorista do caminhão e algumas pessoas que presenciaram o acidente correram para salvar o condutor do carro, ao ouvirem seus gritos de socorro. “Eles conseguiram cortar o cinto e salvar o motorista, mas, infelizmente, as duas mulheres que também estavam no carro morreram carbonizadas”, disse.

O condutor foi resgatado consciente, mas sofreu queimaduras graves nos braços, na face e nas costas, além de fraturas no fêmur e na bacia.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, após a batida, o carro ficou parcialmanete na pista, que precisou ser interditada. Depois que o fogo foi apagado e os trabalhos de perícia finalizados, o veículo foi deslocado para uma das margens da rodovia.

Nota 

A família estava vindo de um velório na cidade de General Carneiro e iria parar em Barra do Garças para descansar e depois seguir viagem para São Luís de Montes Belos. Muito queridos na cidade goiana a notícia deixou todos em choque, principalmente os familiares e os amigos de trabalho da Secretária de Saúde, onde Eriney trabalha e Vera Lúcia era enfermeira, ela que também estava no 8º  período do curso de enfermagem.

Em nota a Faculdade Montes Belos, instituição ao qual vera Lúcia era acadêmica, deixou as condolências e ressaltou o quanto era ética e competente no exercício da sua profissão como Técnica de Enfermagem a muitos anos. (Ratinho Notícias - São Luís Montes Belos) 
Notícias Relacionadas »
Comentários »