05/04/2017 às 13h46min - Atualizada em 05/04/2017 às 13h46min

Polícia Civil evita duplo homicídio e durante trocas de tiros suspeito é baleado e preso

Agência da Notícia
Em um trabalho investigativo e sigiloso os policiais da Delegacia Regional de Confresa conseguiram evitar um crime bárbaro que estava marcado para acontecer na noite desta terça-feira, (04), no bairro Jardim do Éden, em Confresa. Os policiais balearam e prenderam o principal suspeito que teria sido contrato para assassinar um casal.

De acordo com informações repassadas, após ser descoberto que o crime iria acontecer os policiais conseguiram localizar as vítimas e avisa-las do que estava prestes a acontecer e em seguida deram sequência nas diligências para prender o criminoso.

O duplo assassinato estava marcado para acontecer as 19hs na residência das vítimas. Os policiais montaram um esquema de vigilância na residência para prender o suspeito identificado apenas como Maicon Santos, popular “Maiquinho”.

As 19hs os policiais avistaram o veículo da nora das vítimas passando com o suspeito e seguiram para residência alvo do crime. Após deixar o criminoso a mulher se evadiu do local. 

O criminoso estava com uma escada encostada no muro casa de onde possivelmente atiraria nas vítimas, foi neste momento que os policiais agiram e durante a abordagem, o suspeito atirou contra os policiais que revidaram e conseguiram balear o rapaz que mesmo ferido conseguiu fugir por uma área de mato.

Minutos depois os policiais foram informados por funcionários do hospital municipal que um homem baleado havia dado entrada na emergência, ao se deslocarem até a unidade médica constataram que se tratava do suspeito que havia trocados tiros com os policiais.

Durante as investigações a polícia descobriu que a nora das vítimas seria a mandante do crime e que teria contrato o “matador” para executar o casal e depois simular um roubo na residência, a motivação seria a ganância pelos bens do sogro. 

A Polícia Civil segue investigando o caso, duas pessoas estão detidas e serão ouvidas ainda nesta quarta-feira, (05).
Notícias Relacionadas »
Comentários »