24/02/2017 às 06h49min - Atualizada em 24/02/2017 às 06h49min

Grávida de 8 meses desaparecida é procurada em Goiás

G1-GO
A diarista Silvânia Maurício Araújo, de 31 anos, que está grávida de 8 meses, está desaparecida há seis dias, em Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital. De acordo com familiares, a mulher está com o parto marcado para o próximo mês e deixou a casa trancada, com todas as roupas dela e o enxoval do bebê. O caso é investigado pela Polícia Civil.

De acordo com a irmã dela, Maria do Carmo Araújo, a família mora no Tocantins e viajou para Goiânia depois que um amigo de Silviânia avisou que a mulher havia sumido. “Quando eu cheguei aqui, a casa estava trancada. Uma situação desesperadora porque cheguei aqui e não vi a minha irmã. É muita dor, é muita agonia”, disse.
 
Cheguei aqui e não vi a minha irmã. É muita dor, é muita agonia.", diz Maria do Carmo, irmã. Silvânia mora no Jardim Dom Bosco 2, em Aparecida de Goiânia, e está desaparecida desde a noite de sábado (18).

O aposentado Damiel Feitosa, que comunicou o desaparecimento à família, disse que a mulher fez faxina na casa dele na sexta-feira (17) e foi vista no dia seguinte por moradores do bairro.

Ele suspeitou do sumiço depois que foi até a casa dela na última segunda-feira (20) e não encontrou ninguém. “Ela foi vista no sábado, meia-noite, na distribuidora de bebidas. Ela foi lá em casa na sexta-feira, fez faxina, almoçou lá. Eu era um pai pra ela, é uma tristeza grande”, desabafou o aposentado.

A família chegou a Aparecida de Goiânia na noite de quarta-feira e registrou uma ocorrência no 4º Distrito Policial da cidade. O caso é apurado pelo delegado Carlos Leveger. Ele informou à TV Anhanguera que equipes estão no bairro da mulher para ouvir testemunhas, mas até então não existe pistas da grávida.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.3%
24.3%
1.4%