09/02/2017 às 14h34min - Atualizada em 09/02/2017 às 14h34min

Menor detido confessa que matou avó

Midia News
O último suspeito de envolvimento na morte da idosa, Maria Inês de Almeida, 78 anos, em Rosário Oeste (128 km ao Norte de Cuiabá), foi preso na manhã desta quinta-feira (09), na  comunidade Fonte Estevão, zona rural do  município.
 
Desde o crime, em 15 de outubro de 2016, ocorrido na comunidade Passagem do Chiqueiro, Arilson Marcos de Arruda, 20 anos, era procurado. Ele foi encontrado na posse de um revólver e munições, e por conta disso também foi autuado em flagrante por posse irregular de arma de fogo e munições de uso permitido, além de ter o mandado de prisão preventiva cumprido.
 
Arilson Marcos de Arruda, 20 anos, era o motorista do Corsa Azul, integrado por outros três acusados de assassinar a vítima, Maria Inês de Almeida, 78 anos, na comunidade rural Passagem do Chiqueiro, no dia 15 de outubro de 2016.

O inquérito policial já foi concluído com o indiciamento de três maiores por latrocínio. Um adolescente infrator também responde. “Essa prisão era a que faltava sobre o latrocínio”, disse o delegado Fabiano Pitoscia.
 
O caso
 
As investigações apontaram que no dia do crime, por volta das 18h, três pessoas, mediante utilização de arma de fogo e escondendo os rostos com camisas, invadiram à casa da idosa Maria Inês de Almeida, vindo a matá-la com tiros no rosto. Eles subtraíram da idosa R$180 que se encontrava sob a geladeira. Em seguida, fugiram  efetuando disparo para amedrontar os moradores próximos.
 
Testemunhas disseram que os assaltantes utilizaram um corsa Sedan, cor azul escuro, durante a ação. Investigação pormenorizada da Polícia Civil identificou os suspeitos do crime como Adão Agostinho de Almeida, apelidado de Duzinho, e o adolescente A.J.A, 17, ambos parentes da vítima, e ainda Evanil Gonçalo da Silva, conhecido como Neva, proprietário do veículo que foi apreendido no dia 18 de outubro.
 
O menor infrator confessou ter furtado os objetos e também ter assassinado a avó, na companhia de Adão e Evanil. Em desfavor do adolescente foi instaurado Auto de Apreensão em Flagrante Delito e, em seguida, requisição de medida de internação para o suspeito, solicitada pelo delegado de polícia Fabiano Pitoscia.

O  tio do adolescente, Adão, é investigado por outro crime cometido contra Maria Inês, um furto em 2013. Na ocasião foi instaurado inquérito policial nº 28/2013 na Delegacia de Polícia de Rosário Oeste para apurar o delito.
 
O veículo Corsa Sedan foi apreendido e Evanil preso pelos crimes de roubo seguido de morte (latrocínio) e associação criminosa.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.8%
4.6%
19.6%
74.0%