26/01/2017 às 14h32min - Atualizada em 26/01/2017 às 14h32min

Famílias aguardam conclusão de casas; Beto cobra retomada de obras

Francis Amorim / RDNews
Cerca de 1,4 mil famílias aguardam com expectativa a retomada das obras dos conjuntos habitacionais Carvalho I, II e III, paralisadas em maio de 2015 pela ex-presidente Dilma Rousseff (PT), cassada em agosto do ano passado. As famílias esperavam para abril de 2014 a entrega das primeiras unidades, correspondentes ao Carvalho I.

Nos três conjuntos, o governo federal por meio do Ministério das Cidades e Caixa Econômica Federal (CEF), estava investindo R$ 81,8 milhões, financiados pelo Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). O corte na liberação dos recursos por conta da crise econômica, simplesmente paralisou as obras e, para complicar, uma das empresas responsáveis pela execução entrou com pedido de falência.

Ao todo, estavam já em fase de conclusão (acabamento), 1.436 residências distribuídas nos três conjuntos, sendo 475 no Carvalho I, 475 no conjunto II e 486 no Carvalho III. O canteiro de obras, localizado na região Norte de Barra, está paralisado, com constantes ações de vândalos que inclusive destruíram e furtaram materiais, como fios, tijolos e telhas.

Em outubro do ano passado, o prefeito Beto Farias (PMDB) se reuniu com o superintendente da Caixa Econômica Federal em Mato Grosso, José Luiz Dias, para cobrar a retomada das obras, contudo, mesmo com a promessa de empenho para a liberação dos recursos, as obras continuam paralisadas.

“Não estamos de braços cruzados. Sempre que vamos a Cuiabá ou Brasília, cobramos a conclusão das unidades, contudo, esbarramos na crise econômica do país que paralisou diversas obras. Mas, creio que neste ano vamos conseguir realizar o sonho das famílias que esperam pela casa própria”, assegura o prefeito.

Esperança

“Já se vai para o terceiro ano que estou no aguardo, mas, com fé em Deus, logo terei a minha casa própria. Esse é o sonho de qualquer pessoa e ainda não perdi as esperanças, mesmo pagando aluguel”, afirma uma das pessoas sorteadas, que preferiu não se identificar e aguardar pelo reinício das obras e, desta forma, receber as chaves da casa situada no Carvalho I.

Além da conclusão das casas, ainda restam obras de urbanização, como abertura de ruas, pavimentação, rede de água, energia elétrica, e esgoto.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.4%
5.3%
18.0%
75.3%