24/01/2017 às 17h42min - Atualizada em 24/01/2017 às 17h42min

Governador Pedro Taques dará entrevista quarta-feira numa cadeia de rádios de MT

Gcom-MT
O governador de Mato Grosso, Pedro Taques, participa quarta-feira (25/1), da segunda entrevista coletiva especial, feita exclusivamente, para emissoras de rádios de todas as regiões do estado. A entrevista em cadeia, que será transmitida diretamente do Palácio Paiaguás, em Cuiabá, é uma realização do Gabinete de Comunicação do Estado (Gcom), por meio da Superintendência de Rádio.

A transmissão terá início às 8h, ( horário de Mato Grosso) com previsão de duração de uma hora. O áudio da entrevista será disponibilizado gratuitamente via internet, pelo site www.mt.gov.br (no link Rádio Paiaguás), e pelo sistema de telefonia, número 0800-647-6065.

Os jornalistas/âncora vão entrevistar o governador ao vivo, e contarão com a participação de repórteres das emissoras de rádio do interior e da Capital, que também farão perguntas ao governador.

Na oportunidade, Pedro Taques vai fazer um balanço sobre os dois primeiros anos da gestão, destacando as principais obras realizadas pelo Governo. Além disso, o chefe do Executivo Estadual vai falar sobre as metas a serem concretizadas nos próximos dois anos.

O secretário do Gabinete de Comunicação, Jornalista Kleber Lima, reitera o respeito e o reconhecimento que este governo tem com a radiodifusão, e destaca a intenção do Gcom de estreitar o relacionamento com as emissoras de rádio do estado, por entender a importância deste veículo de comunicação como forma de interação com a sociedade mato-grossense.
 
Emissoras da região do Araguaia que confirmaram participação na rede de rádios

- Rádio Roncador – Nova Xavantina
- Rádio R N X – Nova Xavantina
- Rádio Aurora FM – Alto Araguaia
- Rádio Atividade – Campinápolis
- Rádio Interativa – Água Boa
- Rádio Araguaia – São Félix do Araguaia
- Rádio Vida Nova – Canarana
- Rádio Araguaia FM – Canarana
(confirmadas até às 17 horas desta segunda-feira) 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.4%
5.3%
18.2%
75.2%