28/07/2012 às 23h42min - Atualizada em 28/07/2012 às 23h42min

Menor mata taxista por não ter dinheiro para pagar a corrida

Olhar Direto
Reprodução

A Polícia Militar prendeu um menor acusado de matar o taxista Gilson Pereira da Costa (29), na madrugada desta quinta-feira (26), no bairro Vila Olinda III.

De acordo com o tenente coronel Walter Silveira dos Santos, T.R.S.B., 15 anos, disse que estava em uma casa noturna e chamou um táxí até o bairro onde mora e, ao observar que não tinha dinheiro para pagar pelo serviço, resolveu matar Gilson com dois tiros na cabeça.

Ainda segundo a PM, o acusado teria várias passagens pela polícia e o primeiro crime foi cometido ainda com 13 anos de idade. Há cerca de 40 dias, o menor estava envolvido com um traficante e foi apreendido com uma arma e drogas.

Nesta terça-feira (24), foi novamente abordado pela PM com uma motocicleta roubada juntamente com uma namorada. A polícia, no entanto, não está certa da motivação do assassinato. Outra linha de investigação adotada seria que o crime foi motivado em virtude de uma dívida.

O assassinato

O taxista da empresa Rádio Taxi 2000, Gilson Pereira Costa, 29, foi morto com um tiro na cabeça por volta das 03h da madrugada de hoje, no bairro Vila Olinda III, em Rondonópolis.

O crime aconteceu na esquina da rua Beija-Flor com a rua A8. Segundo informações da Polícia Militar, o veiculo da vítima, um Chevrolet Classic, com placas OAZ-5766, de Rondonópolis, foi encontrado com o motor ainda funcionando e com a porta do motorista aberta. O tiro foi disparado pelo lado de fora do veiculo e entrou pela janela do passageiro.

O taxista foi encontrado deitado no banco da frente do carro com os documentos, dinheiro e celular. De acordo com a cunhada de Gilson, que estava no local, o taxista estava trabalhando há apenas cinco dias na empresa. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.0%
3.7%
11.6%
83.7%