25/07/2012 às 23h01min - Atualizada em 25/07/2012 às 23h01min

Casal degola homem por motivo banal

Agência da Notícia
Reprodução

Um casal acusado de homicídio foi preso na semana passada, na cidade de Guarantã do Norte (715 km ao Norte). Os presos, Juliana Galvin, 26, e José Ferreira, 35, conhecido por “Negão do Trator” tiveram a prisão preventiva decretada, após elucidação do caso.

As investigações iniciaram após a vítima, Daniel Silveira Wilges, 59, ter sido encontrada na sábado (14.07), em sua residência com o pescoço degolado com uma faca ou canivete. A arma do crime ainda não foi localizada.

Durante as diligências, os investigadores identificaram o casal como autores do homicídio. Imediatamente o delegado da cidade, Carlos Eduardo Munis dos Santos, pediu pela prisão preventiva dos suspeitos.

Juliana e José foram abordados e presos pela polícia quando tentavam fugir para o Estado do Pará. O crime teve motivação banal, por conta de uma discussão aflorada por álcool. Há informações também que a vítima mantinha um relacionamento amoroso com Juliana e poderia ser causa do homicídio. A suspeita nega.

José Ferreira já cumpriu pena pelo assassinato de uma mulher que mantinha relacionamento, há cerca de cinco anos. A prisão foi realizada em conjunto com a Polícia Militar.


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.2%
24.4%
1.4%