26/11/2016 às 11h27min - Atualizada em 26/11/2016 às 11h27min

Três rapazes são condenados e dois absolvidos por duplo homicídio cruel

Araguaia Notícia
Araguaia Notícia

Depois de dois dias de julgamento terminou na sexta-feira (25/11) o júri popular dos cinco acusados de um duplo homicídio que ocorreu em Pontal do Araguaia no mês de março de 2016 com requintes de crueldade. 

Na ocasião, foram mortos Milton Oliveira Santana, 22 anos, e Felipe Pinheiro de Souza, 18 anos, a facadas e pedradas. As vítimas foram perseguidas e atacadas por cinco jovens após uma discussão numa festa na Agrovila Pontal.

O julgamento teve início na quinta-feira e os acusados optaram cada um em fazer a defesa individual. Devido à extensão do processo e número de testemunhas para serem ouvidas, o júri se prolongou com os jurados tendo que pernoitar num hotel ‘vigiados’ pela polícia de quinta para sexta-feira.

O resultado foi conhecido na noite de sexta-feira com os jurados decidindo pela condenação de Edmilson Batista da Silva a 28 anos; Jeferson Siqueira dos Santos a 33 anos e Leandro a 15 anos. Enquanto que Henrique, defendido pelo advogado Paulo Lacerda, e Cristiano, pelo advogado Leonardo da Mata, foram absolvidos. A informação é que os advogados dos condenados vão recorrer da sentença.

A confusão que resultou no duplo homicídio surgiu porque alguns dos envolvidos participavam dos grupos rivais Os Cowboys e os Bonés Aba Virada.

A perseguição terminou no bairro Luzia de Moraes perto do cemitério quando os acusados conseguiram derrubar Milton e Felipe da moto e passaram agredi-los com capacete, pedaços de pau e faca.

Moradores que acordaram com a confusão acionaram a polícia. No deslocamento, os policiais se depararam com os jovens em fuga num Uno. Dentro do veículo, foi encontrada uma faca e o carro estava amassado por causa da colisão com a moto das vítimas.


 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.3%
4.5%
16.9%
77.3%