02/11/2016 às 15h49min - Atualizada em 02/11/2016 às 15h49min

Acidente mata motorista e deixa picape irreconhecível

G1 GO

Um acidente matou um operador de máquinas, de 56 anos, nesta terça-feira (1º), na GO-174, em Rio Verde, região sudoeste de Goiás. A vítima, Valdir Rodrigues dos Santos, conduzia uma picape que bateu de frente com uma carreta. O veículo, que travou o velocímetro a 180 km/h após a colisão, ficou praticamente irreconhecível.

No momento da batida, chovia bastante. O motorista do caminhão, Cláudio Maria, que não se feriu, disse que tentou, mas não conseguiu desviar de Valdir, que segundo ele, estava em alta velocidade.
"Ele estava correndo demais. Daí ele desgovernou. Quando ocorreu eu isso eu pensei: 'vai acontecer alguma coisa'. Tentei tirar ainda, mas não teve jeito não", contou.

Gerente da empresa onde a vítima trabalhava, José Batista Neto afirmou que Valdir havia ido até Montividiu, a 67 km de Rio Verde, para visitar um cliente, mas como chovia muito, o serviço acabou sendo cancelado. O acidente aconteceu no retorno à cidade.

"Ele estava vindo para Rio Verde sem nenhum compromisso porque aqui também estava chovendo. Ele estava vindo para pegar seu descanso por não ter produção por motivo de chuvas", afirmou.

A perícia esteve no local para começar a apurar as causas do acidente.

Acidente mata motorista e deixa picape irreconhecível na GO-174, em Goiás (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

Acidente mata motorista e deixa picape irreconhecível na GO-174, em Goiás (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

Após a colisão frontal, velocímetro da picape travou em 180 km/h (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.2%
4.4%
17.2%
77.2%