11/10/2016 às 17h34min - Atualizada em 11/10/2016 às 17h34min

Acadêmicos de Engenharia Civil da Faculdade Cathedral participam de visita técnica

Uirá Paiva / Faculdade Cathedral
Assessoria

Sábado, 8 de outubro, alunos do curso de Engenharia Civil da Faculdade Cathedral participaram de uma visita técnica nas Obras do Centro de Convenções na Universidade Federal de Mato Grosso. A visita faz parte de um plano desenvolvido pelo professor Thiago Leite, coordenador do curso de Engenharia Civil da Faculdade Cathedral.

O centro de convenções está localizado dentro do Campus Araguaia da UFMT, tem capacidade para 2 mil pessoas e já soma 6 milhões de reais em investimentos. A área de 4,5mil metros quadrados é atualmente a maior construção realizada no município.

Segundo professor Thiago, a obra do Centro de Convenções de Barra do Garças é de grande porte e pode trazer ao aluno uma visão ampla das etapas e componentes da execução de uma obra: “ O objetivo aqui é conhecer as etapas construtivas, técnicas e práticas“, ressaltou Thiago.

Os alunos visitaram todas as etapas de construção da obra e tiveram a oportunidade de conversar com as pessoas que estavam trabalhando. Esse contato é fundamental e ajuda na assimilação da teoria na prática. Em momentos assim é possível que o professor relate suas experiências no mercado de trabalho, oportunizando a materialização dos conceitos e teorias estudados em sala de aula.

Visitas técnicas são de grande importância para compreender na prática as etapas construtivas, planejamento de obra, composição de quadro de funcionários e outros aspectos de uma obra civil, proporcionando uma reflexão sobre as atitudes individuais que contribuem para o bom andamento de uma obra.

O projeto do centro de convenções foi possível através de parcerias entre a UFMT Campus Araguaia, Governo Federal, Governo do Estado e Prefeitura Municipal de Barra do Garças. A construção prevê uma estrutura com salas multiuso para reuniões, auditório com poltronas, palco elevado para apresentações, camarim, sala de som e equipamentos, sanitários masculino e feminino e estacionamento pavimentado.
 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.2%
24.5%
1.4%