03/07/2012 às 16h05min - Atualizada em 03/07/2012 às 16h05min

Padre que combate compra de voto em rádio comunitária é candidato a prefeito contra três no Araguaia

Olhar Direto
Olhar Direto

O padre Alberto Ferreira (PCB), que combate abertamente a compra de votos, confirmou em convenção sua candidatura a prefeito em Aragarças-GO, divisa com Barra do Garças. O religioso lançou uma campanha na rádio comunitária dirigida por ele, na qual diz que "político que compra voto é ladrão de consciência do eleitor"..

O religioso chega a incentivar os eleitores a pegar o dinheiro dos políticos e votar em outros candidatos. Segundo Alberto, ele decidiu sair candidato para, no horário eleitoral, combater a compra de votos. “Eu quero participar dos debates para mostrar ao povo que não adianta vender o voto e permanecer escravo de corruptos”, completou.

Alberto se afastou do microfone da Rádio Universitária FM. E o PCB escolheu para vice o lavrador Divino Cardoso como candidato a vice-prefeito e terá sete candidatos a vereador. “Minha chapa é montada por gente consciente e desprovida de interesses financeiros”, acrescentou.

Alberto, que alguns políticos quesitonam se ele é mesmo padre, afirma que vai provar, durante a campanha eleitoral, que é clérigo. “Eu sou perseguido porque falo a verdade”,

O padre concorre com mais três candidatos em Aragarças: Vladimir Marcelo (PT), tendo como candidato a vice-prefeito Nego Leão (PR); Aurélio Mendes (PSDB), vice-prefeito, ex-vereador Léo Leão (PMDB); e Isac Victor (PPS), cujo candidato a vice é Anézio Rigonatto (PSL).

Aragarças tem 13 mil eleitores e ocupa espaço importante no turismo regional do Araguaia, com o festival da praia Quarto Crescente, no rio Araguaia. Historicamente, Aragarças serviu, na década de 1950, de base para Fundação Brasil Central, que ajudou no desenvolvimento do Araguaia. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.3%
24.3%
1.4%