06/10/2016 às 15h46min - Atualizada em 06/10/2016 às 15h46min

Dupla armada é presa dentro de ônibus

Midia News
Midia News

No final da tarde desta terça-feira (04), como parte da ‘Operação Bairro Seguro II’, policiais do Batalhão Rotam (Rondas Ostensivas Tático Móvel) prenderam dois jovens, um deles armado, dentro de um ônibus da linha 313.

Esse coletivo faz o percurso: Terminal CPA III-Universidade de Cuiabá (Unic) e passa por bairros como CPA II, Tancredo Neves, Morada do Ouro, entre outros.

W.S.C., 19, e J.V.S.C, 17, entraram no coletivo pouco depois do terminal. Um passageiro avistou a arma na cintura de um deles e acionou a polícia via Ciosp (190).

Com a numeração do coletivo e descrições físicas da dupla, a equipe da Rotam conseguiu alcançar o veículo na Avenida Brasil, no CPA II.

A arma que W.S.C., 19, portava é um revólver calibre 22 e estava carregado com seis balas. Os dois seguiam juntos, sentado em poltronas do fundo do ônibus.

O temor dos passageiros era que a dupla pudesse assaltá-los. Na semana passada, na altura do bairro Morada do Ouro, um ônibus foi assaltado por dois adolescentes com características semelhantes a dos rapazes detidos nessa ação da Rotam.

Ambos foram entregues na Central de Flagrantes do Cisc-Planalto.

De acordo com dados do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), o acusado maior de idade responde processo no Juizado Especial Criminal de Cuiabá por porte de droga e desobediência.

Em maio deste ano, a PM-MT o deteve com uma quantia de maconha que, conforme alegou na época, seria para consumo próprio.

Libertado após assinar Termo Circunstanciado de Ocorrência no Cisc-Planalto, ele passou a responder em liberdade, porém nunca compareceu as audiências para as quais foi intimado.

O processo agora tramita à revelia, ou seja, será julgado independente de apresentação de defesa pelo réu.

Operação

A ‘Operação Bairro Seguro II’ foi lançada nesta terça-feira pelo 1º Comando Regional de Polícia Militar de Cuiabá e emprega 330 novos policiais e outros 140 da Rotam, Bope, Cavalaria e Trânsito.

A prioridade das ações são os 21 bairros que, conforme análise criminal, apresentam maiores índices de roubos e homicídios.


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.1%
24.5%
1.4%