25/05/2016 às 07h01min - Atualizada em 25/05/2016 às 07h01min

Acusado de matar fazendeiro no Pará é preso no Norte Araguaia de MT

Assessoria/PJC-MT

Policiais civis da Delegacia Regional de Confresa (1.160 km a Nordeste) prenderam na noite de sábado (21) em um restaurante da cidade um homem suspeito de autoria da morte do pecuarista Nasçon Evangelista do Nascimento, na zona rural de Camurú do Norte, no Pará.

A vítima foi sequestrada em sua propriedade no dia 08 de novembro de 2015. A ação teria sido cometida por 5 criminosos. Dois dias após o crime sua caminhonete foi encontrada queimada, mas o corpo não estava próximo.

O suspeito Heliodoro Gomes Bueno Neto, popularmente conhecido como 'Leo Fuminho' foi preso em ação do Núcleo Especializado em Investigações Criminais (NEIC) e Núcleo de Inteligência Operacional (NIO) da Delegacia Regional de Confresa, comandados pelo Delegado de Polícia André Rigonato.

Com Heliodoro foi apreendido um revólver calibre .38 e 10 munições intactas. Será feita perícia na arma de fogo a fim de avaliar se ela pode ter sido na execução do crime. A Polícia Civil do Pará já prendeu outros dois envolvidos na ação.

A informação do provável paradeiro em Confresa do investigado foi dada pela Delegacia de Homicídios do Estado do Pará. Policiais civis de Mato Grosso então realizaram diversas diligências na região onde descobriram que o suspeito estava trabalhando na zona rural da cidade.

O preso está a disposição da justiça na Cadeia Pública de Porto Alegre do Norte e será recambiado ao Estado do Pará, para continuidade das investigações.


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.6%
4.5%
20.0%
73.9%