26/05/2012 às 15h43min - Atualizada em 26/05/2012 às 15h43min

Alencar filia-se ao PSD e aguarda definição jurídica de Roberto Farias

Olhar Direto
Eduardo Silva

O conselheiro aposentado Alencar Soares Filho filiou-se ao Partido Social Democrático (PSD) sexta-feira (25), durante encontro regional do partido em Barra do Garças, no leste do Estado. Alencar foi anunciado como mais novo reforço do PSD e um eventual nome para substituir o empresário Roberto Farias caso este não seja mais candidato a prefeito.

A ficha de Alencar foi abonada pelo vice-governador Chico Daltro e pelo presidente da Assembléia Legislativa, José Riva. No seu discurso, Alencar reiterou que entra para somar e que respeita a condição de pré-candidato a prefeito do partido do empresário Beto. “É claro que ele é o candidato natural do partido. Eu só serei candidato, se o Beto não viabilizar a situação jurídica dele", frisou o ex-conselheiro.

O empresário Roberto Farias foi punido em 2010 com inegibilidade imposta pelo TRE por causa de uma entrevista que deu durante a campanha para deputado federal. O social-democrata aguarda apreciação de um instrumento de agravo junto ao TSE em Brasília.

Beto deu as boas vindas para Alencar e acrescentou que ele passa a ser mais uma opção do partido que já tem segundo o empresários os nomes do suplente de deputado estadual Leandro Soares e os vereadores Miguelão Moreira da Silva e Sávio Carvalho.

“Eu trabalho para ser candidato, mas se não tiver como, vamos ter outro postulante com certeza”, acrescentou.

O presidente da Assembléia Legislativa, José Riva, deixou claro durante a reunião que o diretório estadual não pretende interferir nas decisões dos diretórios municipais e destacou que a situação do PSD em Barra do Garças será decidido pelos companheiros do município. “O Beto carrega o legado de Wilmar Peres. E o Alencar é um homem trabalhador e que está de volta à política com muita vontade”, analisou.

O presidente do PSD-MT, vice-governador Chico Daltro, conduziu os trabalhos da reunião e aproveitou o encontro para fazer um apanhado dos pré-candidatos do PSD nas cinco cidades da microrregião de Barra: Em Ribeirãozinho, o prefeito Marcos será candidato à reeleição; em Torixoréu, o ex-secretário Odoni Mesquita será candidato a prefeito; em General Carneiro, a ex-prefeita Magali Vilela vai disputar a prefeitura novamente. Pontal do Araguaia e Araguaiana não terão candidatos.

O advogado do PSD em Mato Grosso, Hélio Ramos, fez uma palestra de 20 minutos onde orientou os pré-candidatos a prefeito e vereador sobre a legislação eleitoral e exigência de mais certidões para registrar as candidaturas.

"Eu sugiro que os candidatos comecem a juntar as certidões a partir do dia 6 de junho”, acrescentou o consultor jurídico do PSD.

Dentro da questão prazo, Alencar sugeriu que o partido defina logo a candidatura em função de ter apenas 30 segundos na propaganda eleitoral no rádio e na Tv. "Precisa definir logo para buscar aliados", finalizou.

Prestigiaram o evento também os deputados federais Eliene Lima e Homero Pereira; deputados estaduais Luizinho Magalhães, Valdizete, José Domingos, Washinton Luiz, Airton Português e o presidente da AMM, prefeito de Acorizal, Meraldo de Sá e a presidente do PSD-Mulher, Vanice Marques. E os suplentes de federal Roberto Dorner e Bispo Sérgio.  


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.9%
23.7%
1.3%