16/05/2016 às 06h42min - Atualizada em 16/05/2016 às 06h42min

Adolescente do Araguaia é preso na fronteira com 30 tabletes de maconha

Midiamax
Assessoria / Midiamax

Policiais do DOF (Departamento de Operação de Fronteira) registraram dia 12/5 vários casos de tráfico do tipo formiguinha e apreenderam mais de 50 tabletes de maconha durante bloqueio policial na BR-463, próximo ao Posto Fiscal Pacuri, em Ponta Porã, cidade a 346 quilômetros de Campo Grande.

No primeiro caso um adolescente, de 17 anos, morador da cidade de Nova Xavantina (MT) foi apreendido com 30 tabletes de maconha. A droga que estava em uma bolsa totalizou 18 quilos. Ele estava em um ônibus que fazia o itinerário Ponta Porã x Campo Grande e disse ter sido contratado em Nova Xavantina para ir até Ponta Porã e retornar com a maconha.

Em outro caso registrado, também ocorrido na BR-463 no mesmo posto fiscal, Alexandro Batista Pereira, de 42 anos, morador da cidade de Bom Jesus dos Perdoes (SP), foi preso durante abordagem a um ônibus que fazia o itinerário Ponta Porã x Campo Grande.

Durante fiscalização nas bagagens e passageiros foi localizado com Alexandro uma mala com 24 tabletes de maconha que totalizaram 26 quilos. Alexandro disse ter sido contratado em São Paulo para ir até Pedro Juan Caballero e retornar com a maconha, recebendo mil reais pelo transporte.
Steeves Lírio Lima, de 36 anos, também foi preso no durante abordagem a um ônibus que fazia o itinerário Bela Vista X São Paulo. Foi localizado com Steeves uma mochila com 1 porção de haxixe que pesou 170 gramas. Ele disse que pegou um veículo Ford Fiesta de cor preta com placas de São Paulo e levou até a cidade de Coronel Sapucaia, recebendo R$ 2 mil pelo transporte. Retornando ele teria passado por Ponta Porã e adquirido a droga.

Todos os casos foram registrados como tráfico de drogas na Defron (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira) de Dourados.
 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.7%
4.7%
20.3%
73.3%