04/04/2016 às 08h01min - Atualizada em 04/04/2016 às 08h01min

Garota agredida com marreta ainda aguarda cirurgia em Cuiabá e mãe pede justiça

Ronaldo Couto
Araguaia Notícia

A família de Fernanda Rafaela Gonçalves Pereira continua apreensiva em Cuiabá aguardando a cirurgia da jovem que foi agredida com uma marreta em Barra do Garças. Ela está com três fraturas no crânio.

A tentativa de homicídio aconteceu no bairro Senamarques na casa de Fernanda. Apesar da gravidade dos ferimentos, ela está consciente aguardando uma cirurgia e problema está sendo vaga em Cuiabá. Quando ela chegou na capital do estado na quinta-feira da semana passada ficou no corredor e a promessa é que Fernanda será transferida hoje para outro hospital e a operação deve acontecer amanhã.

A mãe de Fernanda, Márcia Nilva Gonçalves, disse que a filha foi agredida covardemente pelo Lucivan e pede justiça com relação ao caso. “Nós estamos aqui a família agoniada aguardando cirurgia para Fernanda e o que mais me revolta é saber que o acusado está solto”, destacou.

Fernanda falou rapidamente por telefone com a equipe do Araguaia Notícia e explicou que está sentindo muitas dores de cabeça. “Os médicos disseram que estou bem, mas qualquer cirurgia na cabeça tem risco e claro que estou com medo”, destacou Fernanda.

Ela explicou que conhecia Lucivan da escola e que no dia do ocorrido ele ligou pedindo para sair com ela e depois foi até a casa dela onde conversaram. “De madrugada ele voltou batendo na porta e quando eu perguntei quem era. Ele disse que era o Lucivan”.

A jovem conta que abriu a porta e ele pediu água. Nesse momento quando foi dar água para ele, Fernanda explica que Lucivan perguntou se era uma lacraia que estava no chão e quando ela baixou para ver o que era recebeu os golpes de marreta na cabeça.

Fernanda confirmou que o celular dela foi levado da casa.
 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.1%
4.6%
16.9%
77.3%