23/02/2016 às 13h09min - Atualizada em 23/02/2016 às 13h09min

Pai é preso por deixar bebê dentro de carro no Aeroporto

DO G1
Midia News

Um homem foi preso na tarde de sábado (20) por deixar o filho, um bebê de 11 meses, sozinho dentro do carro, de acordo com a Polícia Militar (PM). A situação aconteceu no Aeroporto Afonso Pena, em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba.
Ao G1, o capitão Periguary Dias Fortes explicou, neste domingo (21), que dois policiais estavam fazendo o patrulhamento na região e avistaram o veículo estacionado em área irregular, onde é permitido apenas o embarque e desembarque. Chegando ao local, os PMs viram a criança dentro do automóvel se debatendo e chorando.


Um dos policiais foi até o saguão do aeroporto para anunciar as placas do carro no alto-falante, enquanto o outro ficou ao lado veículo, conseguindo abrir uma fresta na janela. Localizado, o pai do bebê foi até o automóvel. Ele foi preso em flagrante por abandono de incapaz, conforme a PM, e levado para a Delegacia de São José dos Pinhais.

"Ele disse que a criança estava dormindo e que a deixou no carro para buscar os pais, que estavam chegando para o batizado do bebê, mas o voo deles atrasou", disse o capitão Periguary.
A mãe da criança foi chamada, e o bebê foi entregue pelos soldados Elizabeth e Oliveira – que atenderam a ocorrência – para ela. Segundo o capitão Periguary, o pai prestou depoimento na delegacia e foi liberado depois.


"Essa ação salvou a criança. Foi um dia em especial bem quente ontem à tarde", afirmou o capitão Periguary.
De acordo com o Instituto Meteorológico do Paraná (Simepar), a temperatura máxima registrada no Aeroporto Afonso Pena no sábado foi de 29ºC, às 13h e às 14h. Pouco antes das 15h, começou a chover e, às 15h – horário em que o bebê foi encontrado sozinho dentro do carro –, a temperatura havia caído para 21ºC, conforme o Simepar.


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.1%
23.5%
1.3%