21/02/2016 às 20h49min - Atualizada em 21/02/2016 às 20h49min

Motoristas terão que usar desvio após barragem romper em rodovia entre Barra e Goiânia

G1 GO
Tv Anhanguera

Até por volta das 19 horas de domingo (21/2) permanecia interditada a rodovia GO-070, no KM 69, próximo ao trevo de Taquaral entre as cidades de Itaberaí e Itauçu, na região central de Goiás, após o rompimento da barragem de uma fazenda na tarde de sábado (20/2). De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) a previsão preliminar é que o local permaneça interditado por entre 60 e 90 dias e um desvio já foi disponibilizado para os motoristas .

A PRE informou que a inundação deixou a ponte do km 61 da rodovia submersa. De acordo com o tenente coronel Denilson de Araújo Brito, ninguém se feriu.

 “A represa acaba de arrebentar. Quantas famílias não foram afetadas por este desastre triste. Muita água, muito sedimento descendo. Só Deus para proteger quem tá próximo disto aqui”, afirma o telespectador que não foi identificado.

A rodovia foi inundada no fim da tarde deste sábado e está interditada nos dois sentidos. Segundo a PRE, policiais estão no local orientando os motoristas.

De acordo com o tenente coronel Denilson, a interdição deve durar, pelo menos até o domingo (21).Segundo ele, engenheiros da Agência Goiana de Obras (Agetop) estão no local para avaliar os danos.

“Como a ponte ainda está submersa, ainda não podemos dizer se comprometeu ou o grau de comprometimento da ponte, mas até então a informação que a gente tem é que trata-se de um volume grande de água”, afirmou o policial ao G1.

Desvio

Segundo a PRE, os motoristas que utilizam a GO-070 para terem acesso às cidades de Itaberaí e Itauçu devem passar por desvios. Para quem trafega de Itaberaí no sentido Goiânia, a opção é passar pelo acesso ao povoado de Ordália, e em seguida retomando à Itauçu. No sentido contrário, o condutor deverá entrar na GO-154, passando por Taquaral para ter acesso à Itaberaí.
 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.1%
23.6%
1.3%