Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
07/12/2015 às 19h21min - Atualizada em 07/12/2015 às 19h21min

400 desabrigados recebem atenção física, social e mental em Barra

RDNews
Secom-BG

Cerca de 400 pessoas já foram atendidas neste ano pela Casa de Passagem Espaço Acolher, implantada pela Prefeitura de Barra do Garças para atender pessoas em situação de abandono ou vulnerabilidade. O projeto criado em 2014 na região e busca retirar das ruas pessoas ou famílias que antes ocupavam praças ou logradouros públicos.

Com despesa estimada em R$ 30 mil/mês, o Espaço Acolher é coordenado pela secretaria municipal de Assistência Social. No local há dormitórios, banheiros masculino e feminino, refeitório, cozinha, área de lazer, sala de entretenimento com televisor e acompanhamento com psicóloga, assistente social, pedagoga, técnica em enfermagem, segurança e apoio.

De acordo com a secretaria, o Espaço Acolher leva em média 8 dias para fazer a inserção do acolhido, e que por lei pode ser acompanhado no período de até 3 meses. “O objetivo da instituição é acolher pessoas e famílias que passam por situação de rua ou abandono e vulnerabilidade social, ou mesmo pessoas que passam pelo município por motivos médicos e não possuem condições de pagar hospedagem”, disse o coordenador da casa, Valber Barbosa.

Em 2014, a estrutura tinha capacidade para apenas 20 pessoas, mas neste ano, o espaço foi ampliado para 50 em período integral, um aumento significativo para atender a política social implantada pelo prefeito Roberto Farias (PMDB) de retirar das ruas as pessoas que necessitam do amparo do poder público. Com 20 vagas no ano passado, 298 pacientes foram atendidos e neste ano, com o acréscimo, já são 401 pessoas beneficiadas.

“O processo de saída das ruas requer tempo e adesão da pessoa que, durante sua permanência na Casa de Passagem terá oportunidade de elaborar, em conjunto com os profissionais, assistentes sociais e psicólogos, um projeto individual de atendimento, favorecendo sua autoestima e viabilizando sua reinserção familiar”, disse a secretária de Assistência Social, Mara Kisner. 

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real  CLIQUE AQUI
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90